O convite da festinha de matrioskas


Falta menos de um mês para a festinha da Mariana e vocês devem estar estranhando a falta de posts sobre o assunto. Em outros anos, nessa época, já havia pelos menos uns 6 ou 7 posts sobre o assunto.

Não é que eu esteja querendo fazer suspense, de modo algum, vocês já me conhecem o suficiente para saber que não sou disso. Acho uma bobagem tremenda pensar assim. Ainda mais quando se trata de um evento tão pequeno e íntimo.

Bem, a verdade é simplesmente que andei muito ocupada com o meu trabalho ultimamente e, apesar de já estar fazendo muitas coisinhas da festa, quase nada está concluído. E gosto de mostrar cada projeto do começo ao fim.

Finalmente acabei o convite. Para ser bem franca, este post não tem como finalidade principal ensinar um passo a passo, mas contar como nasceu a inspiração desse projeto e todos percalços que tive de enfrentar em sua execução.

Muitas vezes eu leio comentários de mães de primeira viagem, que se dizem sem jeito para artesanato, ou sem inspiração para criar. Quando a gente acompanha um blog de festas ou de artesanato, pode ficar com a ideia errada de que todas aqueles projetos nascem espontaneamente e são executados sem dificuldade alguma. O que nem sempre é verdade.

Fazer uma festinha a mão, sozinha, requer um bocado de trabalho, planejamento e organização. Nem sempre fazer tudo em casa vai sair mais barato que encomendar a um profissional especializado. Então, eu não recomendo que ninguém enverede por esse caminho se sua única motivação for fazer economia.

Muitas vezes, quando estamos desenvolvendo um projeto original – assim entendido como algo feito em primeira mão, não copiado de outro já pronto – estamos sujeitos a erros, desperdício de material, retrabalho, gasto de tempo para contornar os obstáculos pelo caminho, enfim, nem sempre as coisas saem como imaginávamos e é preciso ter disposição, paciência e persistência para conseguir chegar ao fim.

Com esse convite aconteceu exatamente isso. Vendo agora, já prontinho pode não parecer, mas foi o convite mais difícil e trabalhoso que eu já fiz.

A concepção do projeto nasceu da própria essência do brinquedo matrioska: uma bonequinha contendo outra e assim por diante. Eu queria que o convite expressasse essa ideia. Queria fugir daqueles tradicionais convites impressos em papel.

Após toda trabalheira e alguns custos não previstos, posso dizer que estou muito orgulhosa de mim mesma, mais pela perseverança que pelo resultado em si. Vocês vão entender do que estou falando quando acompanharem a odisseia abaixo.

1ª tentativa

Conversando com Clarinha e Mariana, minhas maiores fontes de inspiração, surgiu nossa primeira luz: uma matrioska de papel com bolsos, onde fossem colocadas as matrioskas menores.

Clarinha chegou a fazer um croqui do convite, vejam só como ela é jeitosa:

image

Eu até cheguei a reproduzir um protótipo, usando o mesmo kit digital que estou usando nesta festa, mas não me agradei do resultado.

image

 

Como as matrioskas do kit não tinham bolso, o bolso que eu improvisei nunca ficava bem cortado, o acabamento do verso da matrioska não ficou legal. Tentei fazer o convite em formato aberto, como um cartão, e também não gostei do resultado. A ideia era excelente, mas a execução não ficou a contento.

Fica a dica para as mais jeitosas e pacientes.

Desisti desse modelo e parti para o segundo.

2ª tentativa

Pensei em fazer um chaveiro com as matrioskas, impressas em papel couchê ou outro de gramatura mais alta.

Comprei um cordão de bolinhas de metal, usado em chaveiros, e várias trancas individuais, como esta que aparece abaixo. Minha ideia era prender as cinco matrioskas de tamanhos diferentes, contendo no verso de cada uma um trecho do texto do convite.

Convite festa Matrioska

Na minha pressa de concluir o projeto, imprimi as matrioskas em papel linho, gramatura 180g/m², na minha impressora caseira, jato de tinta. Cortei todas, antes mesmo de fazer um teste para ver se dava certo. Cheguei a ficar com calo no polegar direito!

Convite festa Matrioska

Só depois fui quebrar a cabeça para ver como faria o texto no verso de cada uma.

Cada matrioska deveria conter uma informação:

A maior, avisaria da festinha para comemorar o 7º aniversário da Mariana; a segunda, informaria o lugar; a terceira, a data e a hora; a quarta indicaria nossos telefones (já que a festinha será apenas para crianças) e a última se despediria carinhosamente.

Imprimi o texto num papel autocolante, recortei e tentei unir as duas peças, depois de cortadas. O acabamento não ficou bom, para variar.

Novamente, meu erro foi na execução. O que me leva a concluir que desenvolver um projeto sob forte estresse não é uma boa. Eu estava com muito trabalho, poucas horas livres e pouca paciência para coisas melindrosas. Dizem que a criatividade nasce do ócio. Eu não tenho a menor dúvida.

Acabei desistindo dessa ideia também, com uma peninha danada!

3ª tentativa

A terceira alternativa surgiu quando vi o convite que a Katinha, do Casos e Coisas da Bonfa fez para o aniversário dela. O convite ficou fantástico e fiquei morrendo de vontade de adaptar o projeto ao tema da festinha da Maricota.

image

Katinha gentilmente me cedeu o modelo do envelope e eu me pus a quebrar a cabeça, para fazer o convite usando matrioskas.

Só que a graça e o charme desse modelo estão justamente na composição do visual da boneca, que muda de traje à medida em que o convite é puxado.

Como as matrioskas mudariam de tamanho, em ordem decrescente, eu não consegui o mesmo efeito. A janela do envelope teve de ficar maior e as matrioskas iam aparecendo, sem conexão alguma com a parte externa, como acontecia com o convite da Katinha.

Convite festa Matrioska

Até que ficou bonito, mas não teve o impacto visual que eu buscava. Usei uma frase bacana, que pretendo usar num porta-retrato, na mesa da decoração: Menininhas são lindas do lado de fora e mais lindas ainda do lado de dentro.  Vi uma frase similar numa festa dum site estrangeiro, só que em inglês. As faixas coloridas contendo qualidades infantis iam provando o que eu queria dizer.

Era para ser uma surpresa, cada matrioska desvendando uma qualidade específica, mas eu – mais uma vez – não consegui executar a ideia que estava na minha cabeça.

Tentei fazer o convite num formato de circular, com vários campos vasados, um para aparecer a matrioska e outro para a qualidade (sinceridade, pureza, alegria, etc.). Mas não fui muito longe.

4ª tentativa

Já desesperada, sem conseguir executar nenhuma das ideias mirabolantes que eu pretendia, resolvi apelar ao bom e velho tradicional convite impresso.

Convite festa Matrioska

Estava com a arte pronta para levar à gráfica, para que o acabamento ficasse melhor, já que o convite seria tão simplório, quando tive um estalo de inspiração!

A essas alturas, a fase complicada do meu trabalho já havia passado, minha rotina estava mais ou menos normalizada e meus neurônios começavam a funcionar com mais calma e coerência. Foi então que voltei à minha segunda opção de convite. Achei que tinha descoberto um jeito de fazer dar certo.

5ª tentativa

O que me desagradou na segunda opção de convite foi a execução. Ou seja, a ideia era ótima, mas eu precisava encontrar um jeito de executá-la melhor.

Concluí que eu tinha de fazer a impressão frente e verso, para não ter que imprimir em dois papéis diferentes e recortar tudo depois de colado.

Olha a complicação! Como eu havia disposto as matrioskas em diversas posições, para aproveitar ao máximo a área de impressão do papel, o texto deveria ser escrito de frente, de cabeça pra baixo, de um lado, de outro. Como fazer isso? Como fazer coincidir perfeitamente o texto do verso com a impressão da frente?

Coloquei o máximo de matrioskas num arquivo do tamanho de uma folha de papel A4. Couberam 10. O suficiente para fazer 2 convites. Cada matrioska seguinte foi redimensionada na escala de 85% da anterior.

 Convite festa Matrioska

Depois do arquivo feito, criei o texto do convite, sobre a camada das matrioskas (numa camada adicional) usando o photoshop, já que no word isso seria impossível.

Eu fiz cada trecho do texto em separado, depois girei quando necessário (vejam que algumas bonecas estão de cabeça pra baixo ou na lateral) para que ele casasse com a bonequinha correspondente. Não podia ficar uma só letrinha fora do campo.

Depois do texto pronto e ajustado, espelhei a camada das matrioskas, para que ela ficasse invertida horizontalmente, já que a frente deveria corresponder ao verso do papel, deu pra entender?

Fiz um teste na minha impressora. Imprimi os dois arquivos, separadamente. Primeiro a frente, virei o papel, coloquei de volta na impressora e imprimi o verso em seguida. 

Voilá! Consegui o efeito que buscava!

Salvei os dois arquivos (frente e verso) num pen drive e fui à gráfica, pois verifiquei que a impressão a laser ficou muito mais vívida que a impressão a jato de tinta da minha impressora caseira.

Usei as fontes: Wendy LP Std Medium e Jokerman.

image

Vejam como ficou a impressão do lado do texto:

 Convite festa Matrioska

No lado oposto, estavam as matrioskas, numa sincronia perfeita!

Convite festa Matrioska

Depois disso, pus-me a cortar – de novo – quase duzentas matrioskas. Paguei todos os meus pecados, podem crer!

Convite festa Matrioska

E quando pensei que meus problemas haviam terminado, tive outro contratempo. Cada matrioska deveria ser furada para que o cordão passasse por elas. Para que o furo fosse feito sem estragar as bonequinhas, pensei em usar ilhoses de scrap.

Esses ilhoses são carinhos, pois são feitos especialmente para o uso em papel. Eu bem que tentei comprar ilhoses de costura comum, mas são muito duros para envergar em casa, sem uso de uma prensa.

Pela internet, comprei ilhoses do tamanho mini. Eu os testei no cordão antes de aplicá-los e parecia que tudo estava bem. Só que não considerei que depois de amassados seu diâmetro diminuiria. Testei em várias bonequinhas e nada. Depois de aplicados os ilhoses, o cordão não entrava!

Convite festa Matrioska

Tive de encomendar outros ilhoses de tamanho médio às pressas. Graças a Deus, a loja entregou em menos de 76 horas e pude concluir meus convites no feriado do dia 12, enquanto as meninas se entretinham com seus presentes.

Por sinal, deixo a dica dessa loja maravilhosa que já utilizei unas 3 vezes, todas sem problemas: Atacado Beija Flor. (Não estou ganhando nada com a propaganda, ok?)

Vejam a diferença do tamanho dos novos ilhoses:

Convite festa Matrioska

Cortei o cordão em pedaços de 10 cm, e apliquei a fechadura que comprei em lojas de artigos para bijuteria, que mostrei logo mais acima.

Para aplicar os ilhoses, acabei usando um alicate especializado. Tinha comprado também estas ferramentas que aparecem na foto abaixo, mas como fiz a maior parte do trabalho à noite, não quis incomodar meus vizinhos, com o barulho de marteladas.

Convite festa Matrioska

O resultado me deixou satisfeita. O corte das bonequinhas ficou bom, a impressão ficou vívida, o texto ficou ajustado à silhueta de cada bonequinha, os furos foram feitos sem estrago, os ilhoses foram bem aplicados e o cordão pôde correr  frouxo por eles.

Convite festa Matrioska

Convite festa Matrioska

Cada convite seguirá com um lacinho de fita, onde será colada uma etiqueta com o nome de cada convidado e uma matrioska minúscula na ponta. Ainda não me decidi se o laço será dado diretamente no cordão ou num saquinho plástico, no qual o convite seguirá dentro. O que vocês acham?

Convite festa Matrioska

A tranca do cordão deu um acabamento mais profissional à peça, na minha humilde opinião.

Convite festa Matrioska

O que aprendi com isso tudo?

É preciso ter paciência e esperar que as coisas se arrumem. O que é nosso está guardado, não adianta tentar fazer tudo do nosso jeito, quando a hora não é adequada. No devido momento, tudo se resolve e pode sair melhor que o esperado. Muitas vezes, os contratempos são necessários para nos fazer abrir a mente para novas opções.

Posso aplicar essa pequena lição a qualquer coisa nessa vida. Especialmente na fase que estou vivendo, parece que recebi um recado divino por meio dessa experiência.

É que eu fico procurando tirar pequenas lições de tudo o que me acontece, porque encaro até as coisas mais banais como um desafio que me fará evoluir. Deus nos fala a todo instante, de todo jeito e forma, basta estarmos atentos.

Eu desejo a todos uma excelente semana, cheia de graças e realizações!

Cheiro grande,

Claudinha

 

PS: Meus parabéns a todos os professores que passarem por aqui hoje. Estou, neste momento, assando biscoitos para presentear os mestres das minhas filhotas, a quem tenho muito a agradecer. Os presentinhos que bolei mostrarei noutro post. Sabe como é, ou assovio ou chupo cana…

    Postado por Feito a Mão em digital scrapbooking,festa infantil,passo-a-passo | Comentários (86)
    

    86 Comentários to “O convite da festinha de matrioskas”

    1. Leticia disse:

      Simplesmente lindoooo!Como sempre…parabéns!Bj, Leticia.

    2. Oi, Claudinha,
      Admirável a sua paciência e perseverança nas festas que prepara! Eu acho que na 3ª tentativa, já estaria super estressada,rsrs! Mas valeu a pena: o convite está lindo, maravilhoso! Eu que adoro esse tema, estou apaixonada pela sua criatividade na execução das peças! Por coincidência, ganhei ontem o meu primeiro conjunto de Matrioskas!!! São lindas, espero ainda ter uma coleção!rs!
      Beijos!

    3. Feito a Mão disse:

      Obrigada, meninas!
      Fui atualizar o post com o nome das fontes que usei no convite e encontrei um monte de errinho de digitação. Culpa da pressa. Foi mal, meninas! Escrevi o post ontem à noite, sem revisão. Quase morri de vergonha hoje de manhã quando fui relê-lo. Desculpem aí.

    4. adriana leal disse:

      Cláudinha, o que dizer?? Simplesmente fantástico!! Eu tb faço a festinha das minhas filhotas e às vezes perco a inspiração, tempo e dinheiro.. mas no final com muita insistência dá tudo certo.. Sucesso sempre!!
      Bj, Adriana Leal.

    5. kelly disse:

      Menina!!! to passada.. é incrível como você mostrou que podemos montar um convite incrível em casa. Estou super inspirada afinal estou organizando meu casamento em 3 meses, agora restam menos de 55 dias. E você me deu um ufa!! é possível – Digo se tivesse encontrado o seu site/blog há um mês atrás usaria essa digna ideia para o meu convite..
      Parabéns e obrigada … pelas dicas compartilhadas
      Parabéns mais uma vez pela dedicatória a profissão que eu exerço…

      • Feito a Mão disse:

        Kelly, possível sempre é. Mas vc precisa estar disposta a perder seus finais de semana, suas noites de descanso e até mesmo a estragar algum material tentando.
        Minha irmã vai casar em maio. Eu combinei com ela que, tão logo passasse o aniversário da Mariana, começaria a executar os preparativos do casamento dela.
        Vamos fazer mais de mil forminhas de docinhos em tecido.
        Vou fazer um buquê de Santo Antônio, os porta-guardanapos, as lembrancinhas e os cardápios da festa. Vai ser uma trabalheira danada. Pena que não vai dar tempo para vc pegar carona nesses posts.
        Espero que saia tudo certo, vai ser minha primeira vez fazendo coisas desse tipo.

    6. Fer Paro disse:

      Os convites ficaram lindos! Acho o máximo sua persistência e engenhosidade, vc executa tudo com técnica, precisão….coisa de engenheira isso, viu?? Bjs, estou ansiosa para ver os outros preparativos!! Bjo, boa semana!

    7. Sandra Dias disse:

      Que lindo!
      Tenho certeza que a festa será um sucesso e vai agradar o coração de cada convidado.
      Parabéns pela persistência, meu lema é esse “Nunca desista” e o seu também. Estou ansiosa para ver a festa e seu trabalho reconhecido.
      Amo seu blog.
      Bjos De♥coração

    8. crisitna disse:

      Adorei os convites, ficaram lindos!!
      Realmente quando tentamos e não conseguimos temos que dar um tempo, às vezes é um estalinho apenas que faltava e com o stress não percebemos.

    9. Claudinha, vc é demais, aqui é fonte inesgotável de inspiração olha estou com vergonha, pois tinha separado algumas ideias para fazer um convite diferente tb, mas por desculpa da falta de tempo (o que é um pouco de verdade) fiz um convite super simples, mas enfim este seu convite é lindo demais e da para usar até como chaveiro na mochila das crianças.

      Bjs

      Gélia

    10. Marlene Casagrande Bortolin disse:

      Que lindo! E mais lindo ainda é a persistência, a criatividade e o capricho da mamãe!
      Por essas e outras é que somos suas fãs, seguidoras e admiradoras!!!!!!
      Mas ó, a idéia das meninas também é boa, heim? rss
      Bjoss e ótima semana pra vc tbem, tomara que logo venham outros posts dos preparativos da sua bonequinha!

      • Feito a Mão disse:

        Marlene, minha linda, sabe a garrafinha que vc adorou e queria adaptar pro tema Pequena sereia? Pois ela ficou linda nesse tema matrioska! Ainda mais usando esse kit tão colorido e alegre.
        Agora vc já sabe qual vai ser o meu centro de mesa. Pena que só vou fazer o post, quando comprar as flores e só vou comprá-las mais perto do dia.

    11. Pati Haddad disse:

      Que lindo que ficou! Muito gracioso, delicado, diferente! Parabéns, mesmo! Parabéns não só pela ideia, como também pela persistência e pela disposição para cortar tantas bonequinhas a mão!

    12. Livia disse:

      Ficou lindo demais, anciosa pra ver os outros preparativos. Da uma passadinha no meu cantinho http://mundinhodasmamaes.blogspot.com.br/
      bjin =)

    13. ana flavia mendes disse:

      Claudia,parabe´ns pela sua criatividade, o convite ficou maravilhoso.

    14. Bird disse:

      Clau o importante é que o resultado saiu lindo!! E tentando que agente acha o egal, né? Mas uma duvida, sera que vc bao poderai cortar as peças com sua Silhouette?

      • Feito a Mão disse:

        Cris, minha silhouette é uma SD.
        A Cameo imprime e corta. Não é o caso da minha.
        Eu teria de levar a uma gráfica para fazer o lance da impressão frente e verso, de todo o jeito.
        Para que o chaveiro ficasse mais resistente, usei o papel couchê de maior gramatura disponível na gráfica. A minha silhouette não corta essa espessura.
        Além do mais, como eu teria de converter o meu arquivo das matrioskas para o formato STUDIO, que é o arquivo que abre no programa que vem com a silhouette. Eu teria de aprender como fazer isso rápido, na marra. No auge do processo eleitoral, eu estava muito estressada para trabalhos mentais complicados. Preferi fazer uma terapia ocupacional, na verdade, tesouraterapia ocupacional.
        Até que foi muito divertido!
        Mas para vc, que faz tudo em grande escala e tem várias festas pra organizar, essa opção seria suicídio.
        Desculpe a demora em responder. Estou correndo contra o tempo, com os preparativos da festinha. Só tive um tempinho de responder aos comentários agora.
        Um beijo enorme pra vc!!!!

    15. Marcelle disse:

      Ficaram lindos e super bem acabados! Depois de 4 anos preparando festinhas, e acompanhando as suas, percebi que a maior parte do tempo dedicado não é propriamente na execução e sim no planejamento, principalmente quando resolvemos utilizar um tema inusitado e tão rico em detalhes. Parabéns! No final tudo fará sentido ao ver a carinha de alegre da sua pequena. Bj

    16. Claudinha, APrabéns, com certeza seu empenho foi recompensado. O Convite ficou maravilhoso! Perfeito mesmo.
      Confesso que não tenho essa criatividade e principalmente paciência. Essa parte ficou toda em minha mãe. rsrs Em breve lhe enviarei as fotos do aniversário da minha pequena, ainda será dia 01/12, mas muitas coisas estão à caminho graças aos dons artesãos de minha mãe. Abraços
      Gabi Lopes

    17. Beatriz disse:

      Eu já disse que sou sua fã, né?
      Também disse que você se superou?
      Ahhhh, então eu vou plagiar a minha filhota dizendo que você é “infinito e além”!!!
      Sei que vou ser repetitiva, mas estou aqui também para agradecer sua generosidade em partilhar seus erros e acertos!
      O convite ficou um arraso!
      Estou ansiosa pelo restante da festinha.
      Muitos beijos com carinho!

      • Feito a Mão disse:

        Ai, Bia, que saudades de vc!!!
        Mulher, sabe simpatia de graça? Eu tenho por vc. Nem sei como estou há tanto tempo sem te mandar um e-mail!!! Como vão as coisas? Muito obrigada pelos elogios, minha linda.
        Gostei do lema da filhota!!! rsrs

    18. Juliana disse:

      Affff…Que convite é esse? Azedei depois de ver isso e já olho para os convites da Catarina e miro a lixeira !!!!! hahahaha
      Lindos demais!!! Parabéns!!! Arrasando como sempre!

    19. Juliana disse:

      Afffff….azedei depois de ver convites tão lindos e os que eu andava montando para a festa da Catarina agora moram na lixeira!!! hahahaha
      Parabéns!!! Arrasou como sempre!!!
      bjs

      • Feito a Mão disse:

        Ju, joga fora, não… Devem ter ficado lindos.
        Tem uma moça que deixou uma dúvida no post da sua ganache, eu não soube responder.
        Dá pra fazê-la com chocolate branco tingido?

    20. Cristina disse:

      Nossa, amei ao quadrado, parabens! Simples porem maravilhosos!

    21. Dani Hoffmam disse:

      Lindo, lindo lindo!!!
      Amei o resultado, perfeito, ficou bem profissa!!!

      Beijos!

    22. Marta Ventura disse:

      Puxa… Quanta criatividade… Lindo, lindo, lindo.

      Marta

    23. Você sempre se superando, parabéns! Admiro sua criatividade, sua persistência e humildade em compartilhar suas limitações, as quais sempre consegue superar, me inspiro muito em você. Obrigada!
      Ah e obrigada pelas felicitações do dia do professor, sou professora de Educação Infantil. Beijo!

      • Feito a Mão disse:

        Pri, todos temos limitações, não é verdade? Mas estamos nessa vida para superá-las. Às vezes o caminho é insistir. Noutras vezes, a superação vem através da desistência. Aprender a desistir também é um grande desafio para não ficarmos dando murros em ponta de faca todo o tempo.
        Que seu dia tenha sido doce e inesquecível!

    24. Roberta disse:

      AMEI! Pena que não sou mãe de menina. Fico babando! Ficaram lindos.

    25. Olga disse:

      Claudia, parabéns !
      O convite ficou lindo !! Sua persistência e dedicação valeram a pena… Leio sempre seu blog, suas dicas e acho incrível a quantidade e qualidade de tudo que vc consegue realizar.. Fico buscando inspiração nos seus posts e vez ou outra até consigo botar em prática algumas coisas, mas ja vi que meu problema esta no planejamento e organização… Quando vejo já chegou a hora e acabo fazendo tudo na correria.. Que tal um post sobre planejamento e organização ?
      Bjs,
      Olga Paz – SP

      • Feito a Mão disse:

        Olga, pode ser uma boa ideia, sim. O mal do brasileiro é achar que vai dar tempo de fazer tudo na última hora.
        Não tem segredo. é começar cedo, fazer um pouco toda semana, nas horas ou dias livres e fazer uma lista escrita das coisas que se pretende fazer, comprar, encomendar, executar sozinha ou delegar.
        Vou pensar com carinho num jeito simples de contar como eu costumo fazer. Mas cada um é cada um. Pode ser que o que me parece organização possa parecer loucura pra outros.

    26. Kelly Nomura disse:

      Criatividade impar, Claudinha… parabéns …

      Hoje acessando alguns blogs, vi este ai e lembrei de vc.

      http://amorascrafts.blogspot.com.br/2012/10/ainda-matryoshka.html

      bjs

      Kelly Nomura
      Manaus-AM

    27. Fabiana disse:

      Olá, dia desses vi um livro de Matrioskas e lembrei de você e do aniversário da sua filha. Engraçado, nem nos conhecemos e num detalhe eu lembrei de você.
      Achei o convite perfeito, ficou muito bonito mesmo, parabéns por sua criatividade e dedicação.
      Você tocou num ponto interessante sobre as festas organizadas por nós, nem sempre ela é mais barata e se esse for o único motivo, é melhor desistir, eu concordo. Porque no fim das contas, nem sempre eu consigo economizar nas minhas, mas eu acho que a questão mais importante é a exclusividade.
      Não dá para comparar, uma festa com tudo comprado e igual tantas outras com aquelas em que cada detalhe é pensado de acordo com o nosso gosto pessoal. É nisso que penso sempre que faço algo para os meus filhos, eu gosto que elas saibam que as coisas foram pensadas e feitas por mim.
      A festa começa na preparação, assim nós podemos prolongar esse momento de comemoração por mais alguns meses.
      Estou fazendo uns enfeites para a mesa de aniversário do meu filho em biscuit (arriscando, porque eu nunca fiz nada em biscuit e não gostei nada dos que vi prontos), mas quando vi o resultado confesso que me surpreendi, todas as minhas ansiedades e pesquisas valeram a pena, meu filho ficou pasmo quando viu o bonequinho de pinguim igualzinho ao seu personagem favorito, isso não tem preço.
      Abraços,
      Fabiana

      • Feito a Mão disse:

        Obrigada, Fabiana.
        Adorei esse trecho:
        “A festa começa na preparação, assim nós podemos prolongar esse momento de comemoração por mais alguns meses.”
        É a mais pura verdade. Pra mim, a diversão já começou. O melhor da festa é esperar por ela.
        Mostra pra gente esses biscuits? Eu sou louca pra aprender a fazer (bem feito) biscuit.

    28. Mirela disse:

      Claudinha, quando crescer quero ser como você rsrsrs Como gosto de ver sua criatividade, bom gosto e satisfação em fazer tudo com capricho. Assim, a vida fica tão mais gostosa. Tenho dado sempre um toque pessoal nas festinhas de minha filha, Luiza. Tinha decidido não realizar mais festas, apenas reuniões com pessoas muito próximas para comemorar seus aniversários. Mas agora, surpresa!!! Depois de uma gravidez por fertilização in vitro, há quase 9 anos, deparo-me com uma gestação natural, quando menos esperávamos e já estou me preparando para novas festinhas. Parabéns sempre. Você realmente nos inspira. E vamos ao Chá de Bebê… Mirela

      • Feito a Mão disse:

        Que notícia boa, Mirela! Fico feliz por vc. Deve ter sido uma surpresa e tanto mesmo. Recomeçar tudo do zero. E que venham as festinhas!!!
        Parabéns!

    29. Claudinha, que show de criatividade ficou o seu convite! E que atitude linda e simpática de mostrar o passo a passo com todos os erros e acertos! O processo de criação é assim mesmo, parece fácil pra quem vê a festa pronta, mas a gente sabe que dá uma trabalheira danada quebrar a cabeça pra chegar a uma solução que nos agrade! E, como somos parecidas, eu sei bem como isso leva tempo, rsrsrs! Sempre digo que minha cliente mais exigente sou eu mesma!!!!! Ficou super fofo, original e diferente o convite! Adorei a ideia e agora sou eu que vou em inspirar em vc pra uma festa que planejo fazer no ano que vem! Acho que o modelo tem tudo a ver com a minha festa da jogatina, ou algo assim! Estou contando os dias pra novembro… Um grande beijo pra vc, amiga querida, e obrigadíssimo pelo link e gentileza!!!!!!

      • Feito a Mão disse:

        Katinha, mesmo que o meu convite tenha ficado diferente do seu, eu não posso negar a influência que sofri ao ver seu projeto tão criativo.
        Acompanhar um blog é engraçado. Vemos coisas que no momento podem nem chamar atenção, mas a ideia fica guardadinha, fermentado, germinando. De repente, bum!
        Acho muito válido indicar as nossas fontes de inspiração.
        Até os grandes artistas sofreram influências de seus mestres, vemos isso quando estudamos as várias fases de um determinado pintor ou escultor. Quanto mais eu, pobre mortal sem pretensões artísticas!
        Vc é sempre será uma fotne enorme de inspiração, não só para mim, mas para todas as suas seguidoras.

    30. DRika disse:

      Que trabalho, hein? Mas ficou lindo o resultado. Olha, há alguns anos venho planejando fazer uma festa de matrioskas, mas para mim. heheh Um dia eu faço. ;)

    31. Juliana disse:

      Claudinha, nunca tentei tingir ganache…não posso afirmar que dá certo! Só tentando mesmo!! Bj

    32. marina disse:

      Oii Cláudia, tdo bom???? Como sempre, arrasou!!!!
      Qual é o seu e-mail????
      bjooooo

    33. Me senti hoje uma ingrata, (pensei comigo).

      Faz tanto tempo que te acompanho, você me inspirou tanto que abri o negócio da minha vida vendo seus dotes amados.
      Sempre estou aqui mas reconheço que dificilmente comento os posts, sou a típica desorganizada que nunca tem tempo pra nada.
      Neste momento que o leio, estou sentada na minha cama tentando descançar, cansada metal e físicamente, pois na ultima noite tive uma encomenta de ultima hora que me levou a ficar trabalhando até as 4:00 da manhã e depois acordar as 8:00 e começar tudo novamente até o fim desta tarde.
      Pensei comigo…. – Estou exasta e hoje a noite não irei trabalhar!
      Peguei meu laptop e cliquei nos meus favoritos, onde esse lugarzinho tem seu lugar privilegiado. Passei meus olhos rápidamente e logo se encheram de amor, brilharam como quando nossos filhos ganham um novo brinquedo e olha cadê o cansaço?!
      Você tem esse dom.
      Por isso Claudinha saiba que você representa muito em minha vida. Você é fonte viva de inspiração e alegria, parabéns sua linda e obrigada por tudo.

    34. Flavia disse:

      Oi, Cláudia! Já sou tua fã faz tempo, através da minha irmã Katia (Casos…) Mas acabo nunca tendo o tempo que gostaria para “bisbilhotar” o teu blog. Mais uma vez cheguei aqui através da Katia, e estou sem palavras pra elogiar o convite final (fora as básicas: lindo! criativo! delicado! original!), assim como a generosidade em compartilhar as tentativas frustradas. Eu bem sei o que é isso, fazendo festas por conta própria, com os filhotes correndo pela casa. A gente tem uma “idéia brilhante” na cabeça, tudo faz sentido e se encaixa perfeitamente, mas na hora da execução… nada! Mas partimos pra outra idéia e aprendemos com a experiência. Parabéns, parabéns, parabéns! O produto final valeu cada segundinho dedicado a ele!
      Beijos,
      Flavia
      http://www.fete-a-fete.blogspot.com

      • Feito a Mão disse:

        Oi, Flavia, que orgulho e honra receber sua visita!
        Sou sua fã. Que genes criativos sua família tem!
        Receber um elogio seu é muito importante, pois admiro seu trabalho e bom gosto.
        Amo seu blog e fico impressionada com a quantidade e qualidade das festas que vc faz em tão curto espaço de tempo, com crianças pequenas pela casa, morando num país sem tradição de empregada doméstica. Não sei se conseguiria. Por isso, por reconhecer o trabalho que dá, é que valorizo tanto o resultado final de suas artes.
        Bj

    35. Paty disse:

      Oi Claudinha, demorei, mas cheguei… estou encantada com convite e conforme ia lendo seu post parece que até sentia os calos nos dedos kkkkk e tbm surpresa com os flashes de inspiração que vc recebia e concebia um novo modelo… qdo estou com festa a vista fico pensando, bolando, inventando e até me inspirando no que já vi blogosfera afora e qdo tenho um clique, com uma ideia tipo:” claro, pq não pensei nisso antes? ” vibro internamente… mas o contrario tbm ocorre, acho que estou com um apagão criativo – resolvi fazer a festa da minha filha que inicialmente seria Breakfast at Tiffany’s ( vc me enviou dicas) mas estou achando tudo muito difícil de eser explorado… quase não há inspirações, e enfim, estou a procura de outro tema… não estou encontrando nada que me apaixone… fico ansiosíssima qdo isso ocorre… enquanto isso, vou ficar de olho nos seus posts… com certeza me fará encontrar uma luz no fim do tunel… bjks!!!

      • Feito a Mão disse:

        Paty, li sobre seu apagão criativo no face. Às vezes tb enfrento esses apagões. Pode ser estresse. Por isso eu digo que eu não escolho os temas das festas das meninas, eles é que me escolhem. Quando acho o tema “certo” ele fala comigo. Tudo se encaixa como se a festa inteira fosse descarregada no meu cérebro em flashs. Talvez vc só esteja precisando encontrar o tema ideal.
        Algumas sugestôes: spa, rock, praia, moda, flores, ou até o tema de algum livro que ela mais goste.
        O que sua filha acha disso?

    36. Natália disse:

      Oi….. amei o blog!!
      Adorei a dica do site do kit digital, as imagens são lindas e por um preço bem legal….
      Bjão!!!

    37. Flavia Rosolem disse:

      Oi Claudinha, tudo bem! Estou atrasada pra comentar neste post, mas achei tudo tao genial que eu nao podia deixar passar em branco. Muito obrigada por mostrar o que nao deu certo. Isso ajuda tanto, mas tanto quando vou fazer minhas proprias tentativas. O chaveirinho ficou lindo, um mimo mesmo, parabens. So nao pude deixar de matutar e matutar a respeito da ideia da Clarinha. Como sera que voce tentou colar os bolsos? Pensei muito nisso. Eu lembro uma vez quando eu era crianca(faz tempo, e dai hahahaha?) e no verso da caixa de sucrilhos vinha um balao para recortar e montar. E eu montei. Cada gomo do balao tinha uma borda lisa e uma com recortes que seriam usados para colar na borda lisa do gomo adjacente. Esses recortes eram triangulares, assim podiam ser dobrados e para se encaixar em formas circulares. Sera que fez sentido? Lembro que deu um trabalhinho mais ou menos recortar todos aqueles triangulinhos do balao, mas realmente funcionou. Sera que funcionaria para o bolso das matrioskas?
      Beijos!

      • Feito a Mão disse:

        Flavinha, acho que deu pra entender, sim. Eu não testei fazer os bolsos sobressalentes. É que a imagens das matrioskas não tinham bolsos, achei que não ficaria legal sobrepor texturas ou padrões. Se eu tivesse domínio do photoshop ou de outro programa de criação de imagem, tentaria criar minhas próprias bonqueinhas com bolsos. Aí, sim, sua ideia iria se encaixar perfeitamente!

    38. Renata disse:

      Olá! Estou impressionada com a sua dedicação, bom gosto e capricho!!! E consegui fazer tudo isso sendo mãe! Ufa!!! Eu estou querendo fazer a festinha da minha bebe desse tema, queria saber se vc tem alguma dica de o que colocar nessa decoraçao e como vc fez pra pear esta imagem das bonequinhas e imprimir sem o escrito da imagem. Pq qd visualizo a imagem, eu vejo que tem essas letras. Como faço para conseguir essa imagem limpa e imprimir??
      Vc sabe se consigo aumentar mais de tamanho tb?
      Obrigada!
      Parabéns!
      Bjao

    39. Adorei demais a sua descrição de execução do projeto. Tentativas, erros, acertos, idéias que surgem, idéias que são descartadas, materiais necessários, prazo e etc. Sinto tudo isso na pele e o pior é que eu gosto disso. kkk.
      Fico feliz por você ter executado o projeto do convite de forma brilhante. O resultado ficou original e excelente. Parabéns !!
      Bj…Bj
      artemadeiraevida.blogspot.com

    40. Marta disse:

      Ficou lindo!! Valeu a paciência, mas acho que não a teria….rsss..uhuhaaaauh
      Beijos

    41. alessandra disse:

      Bah guria estas matrioskas ficaram lindas!!! que trabalho!!!quero de te dizer que hoje estava olhando uma revista de decoração e nela vi uma bonequinha destas, aí, dei uma passadinha aqui: http://www.osegredodovitorio.com neste local você vai encontrar umas matrioskas bem legais para sua cozinha (tipo um conjunto de saleiro,pimenteiro e paliteiro), além de outras coisas para casa.Também não to ganhando nada para fazer propaganda, só achei que era uma dica bem legal. Um forte abraço do povo gaúcho!!! Tchau!!!

    42. Marina disse:

      Muito lindo! Esse aqui tem mais ou menos a mesma ideia, né?
      http://www.papelier.com.br/2012/09/cha-da-minnie-o-convite.html

      Você poderia também ter comprado um fio com bolinhas de diâmetro menor. Tem de vários tamanhos e em qualquer armarinho!

      Adorei, estou pensando em fazer para as minhas gêmeas.

      • Feito a Mão disse:

        Eu comprei o fio mais fino disponível no mercado, Marina.
        Este convite que vc mostrou parece um mini álbum. O meu está mais para um chaveiro. A semelhança que vc achou ficou por conta do uso de ilhoses, muito comum em trabalhos de scrap.

    43. [...] começar pelo painel. Eu resolvi usar as matrioskas do mesmo kit digital que usei para fazer os convites a festinha, num painel feito em papel A3, couchê de 230 de gramatura. Mandei imprimir numa gráfica rápida, [...]

    44. Patricia disse:

      Boa Tarde !

      Gostaria de saber um email ou um telefone para eu entrar em contato com vc ….

      Att

      Patricia Siciliano

    45. [...] ao tentar fazer a primeira opção de convite. Lembram que falei da odisséia do convite neste post? Foi só furar cada matrioska com um furador de papel e pronto. Foi um jeito interessante de [...]

    46. mari disse:

      oi lindo seu convite gostaria de fazer um inspirado no seu usando ilhoses mas nao tenho o material para prega-lo será que eu consigo fazer sem este?abraço..mari

    47. Fernanda disse:

      Amei sua idéia do convite e gostaria de fazer para minha filha. Mas não estou acertando o tamanho das matrioskas para fazer o chaveiro? Vc poderia me passar as medidas? Grata.

      • Feito a Mão disse:

        Não saberia dizer, Fernanda. Fiz exatamente como está mostrado no post. Arrumei a primeira matrioska num arquivo da medida de uma folha de A4, a partir dela, reduzi as seguintes, sempre na proporção de 85%. Couberam 10 numa folha.

    48. Ana Flávia Souza disse:

      Adoreiiii seu blog… muito muito muito lindo…

      Me deu várias ideias para o aniversário da minha filha de 6 anos que ela quer o tema da Minnie.
      Eu vi numa publicação que vc teve q retirar sobre o convite da minnie por causa da autora e q tinha varias ideias nos comentários, porém não achei esse comentário vc pode me mandar o link da publicação?
      E sobre os docinhos de leite ninho… seria possivel fazer eles em formato da minnie?Aguardo.. e mais uma vez parabéns pelo seu blog lindo e a iniciativa de ajudar nós mamães…

    49. Ana Flávia Souza disse:

      Claudia, tenho uma duvida, espero que vc me responda… as artes será q da pra imprimir em impressora de jato de tinta? Possuo a Impressora Jato de Tinta HP DeskJet D1660

    50. Ana Paula disse:

      Claudia, entrei no site para comprar a arte, mas tenho uma duvida, eles mandam a arte por email ou é um Cd????Como vc fez????

    51. Juliana disse:

      Claudia, fiz a festa matrioska da minha filha de 2 anos, dia 10/11/12, entao muitas idéias foram retiradas do seu blog, que acompanho desde 2010. Foi festa pequena que fiz toda decoração, não foi igual a sua mas fiz com muito carinho. Gostaria de te mandar as fotos para ver as suas influencias das suas seguidoras rs rs rs como faço. Beijos

    52. Danielle disse:

      Olá achei lindo seu convite…esse alicate que vc usou para fixar o ilhoes deu certinho???

    53. Mônica disse:

      Olá! Quanto talento! Quanta habilidade! Parabéns!!! Minha filha vai fazer 1 ano e a festinha vai ser de Matrioska. Eu adoro essa bonequinha. Tenho uma coleção e é o motivo do quartinho da minha filha. Quando ela nesceu, primeiramente fiz uns marcadores de livro de matrioska, de papel colorido, florido, listrado… ficaram lindas! Mas quando fui colocar o texto atrás, não ficaram legais… acabei desistindo. Ai resolvi fazer chaveiros de matrioskas de feltro cheias com aquele algodãozinho de nylon que nem sei o nome… fiz 60, todas a mão. Amei o resultado! Agora que minha filha vai fazer 1 ano quis aproveitar aquelas primeiras babuscas de papel e comecei a pesquisar… até que descobri seu blog. E desde então entro aqui quase todos os dias para admirar seu trabalho. Estou encantada!! Obrigada por compartilhar sua arte!

    54. Cátia disse:

      Totalmente lindo Claudinha!!! PARABÉNS!!!
      Apaixonada por cada detalhe, cada cor e cada toque pessoal.
      Gostaria de uma ajuda sua, se possível. Como faço para comprar o kit das Matrioskas para fazer um painel???
      Bjs
      Cátia

    55. ingrid disse:

      olá gostaria de saber onde comprou o kit digital das matrioskas simplesmente amei a festinha das matrioskas a festa da minha filha de 3 anos será uma coisa pequena tambem e adorei a ideia parabens! se puder me dar essa luz agradeço

    Coloque seu comentário

    Por favor, preencha os seus dados e comente abaixo.
    Nome
    Email
    Website
    Seu comentário